sábado, 7 de abril de 2007

Campeonato Paulista Interclubes

Este ano o Campeonato Paulista Interclubes foi disputado em 2 finais de semana, sendo nos dias 24 e 25 de fevereiro no Clube A Hebraica e nos dias 3 e 4 de março no Clube Pinheiros, ambos na capital e contou com 91 equipes participantes. No total, foram mais de 600 atletas competindo. O campeonato foi disputado em 7 rodadas pelo sistema Suiço, com tempo de reflexão de 1hora e 20 minutos para cada jogador. A equipe do Clube de Xadrez de Matão sagrou-se campeã com os seguintes atletas: Felipe de Cresce El Debs, Fernando César Frare, Fernando Vicente Vivaldo e Leonardo Vicente Vivaldo.

Impressões sobre o Interclubes Paulista 2007:
- Ficamos todos alojados na casa do Vivaldão. Haja colchão!;
- Eu fiz 2,5 em 7 (!!!). Em quantas partidas eu estive perdido em algum momento? 7;
- Vivaldão anota nos 5 minutos finais;
- O Nebe jogou a “biblioteca” em nosso amigo Molina. E na Najdorf! ;
- Rafael Blanco, e sua simpática namorada, estiveram lá;
- Foi possível para nós passar um final de semana com nossa grande amiga Taís Julião (100% no torneio);
- A dor de amor é diretamente proporcional à quantidade de Chico Buarque que você ouve;
- 3 horas ininterruptas de Falcão. Sem contar o percurso “casa-local de jogos”. As mais pedidas: “Oportunidade Única” e “O Bolo”;
- Eu perdi para o Raúl Seixas (psicodelismo pouco é bobagem);
- O El Debs levou a namorada;
- O cachorro Artur continua insuportável. Que ele morra engasgado com a cueca que me roubou;
- Em algum momento Nebe rosnou para Artur;
- Vivaldão sacrifica peça e acha bonito. Felipe vê e quer morrer (e matar). Todos nos entendemos;
- Os irmãos Vivaldo aproveitam o xadrez ao máximo. Por que terminar uma partida rapidamente se podemos levar para o ping e jogar no lixo toda a vantagem que conseguimos? “-Nebe, safenas por favor” El Debs;
- Por que o nosso querido mestre Herman pediu para que eu sorrisse nas fotos da premiação? ;
- A Taís é Kantiana;
- “Como é gostoso ganhar!” disse, certa vez, Seu Mário, de Jaú;
- Entrevista para TV e matérias no jornal. No jornal, apenas uma foto minha (grande, na capa!) e uma do Nebe na reportagem em si. Na TV um misto de comicidade e tragédia. Papapapapapa...
- Máximas (repetidas a exaustão durante o torneio): Dio Porco! Dio Cani! Putana la madona! Dio Boia!
- O troféu “amassou” pelo calor (!!!).
- “É nóis!”

5 comentários:

taís_julião disse...

Somando:
- o elevador do Vivaldão e "é proibido fumar", em alto e bom som (basta saber quem estaria fumando, enfim... Ghost?! rs)
- Frare e seu "bom-humor" de 47 anos, comendo queijo mussarela cortado em cubidos e tomando cerveja em frente da TV, de chinelo e tudo! Que decadência... rs
- Vivaldão e seus justificativas do sacrifício: "Eu sacrifico MESMOOO!"
- Felipe dando meigos pulinhos de alegria quando viu a equipe ganhando com as calças na mão... Que sorriso hein meninão?! rs
- Só os melhores fazem 100%! rs

Interclubes foi um caso a parte! Haja risada! rs

Felipe El Debs disse...

È Nóis!

Leonardo disse...

Ia me esquecendo:

-Mais uma vez Vivaldinho ofereceu seu corpo em holocausto!

Vivaldão disse...

Gostaria de afirmar mais uma vez: Eu Sacrifico MESMOOOO!

Vivaldão disse...

Mais uma coisa: O sacrifício estava certo! Tudo isso é inveja do Felipe! Medroso!